Dímitri Molina, Estudante de Direito
  • Estudante de Direito

Dímitri Molina

São Paulo (SP)
6seguidores6seguindo
Entrar em contato

Sobre mim

Cursando Bacharelado em Direito pela Universidade Presbiteriana Mackenzie (4º Semestre).

Comentários

(8)

Recomendações

(51)
Paulo Sergio Lellis da Costa, Bacharel em Direito
Paulo Sergio Lellis da Costa
Comentário · há 3 meses
O Professor Fernando Haddad representa o Fernando Haddad apresentando propostas para o país, debatendo, se colocando a disposição para esclarecimentos e dialogando com as frentes democráticas, e se eleito for, será pelo voto e não por meios violentos e torpes, como querem os generais que apoiam Bolsonaro.

Lula está preso cumprindo pena. Não vamos, como bons cidadãos, propalar Fake News afirmando que Haddad, se eleito, o soltará. Primeiro porque haveria rompimento institucional e segundo que isso seria um golpe contra o judiciário, viveríamos uma anomia. (se é que já não estamos vivendo, segundo Lenio Luiz Streck estamos vivendo).

Ademais, a única candidatura que está se inclinando para ferir a democracia e liberdades constitucionais é a do PSL, não vejo afronta ao estado democrático de direito nos discursos de Haddad, ao contrário, Bolsonaro e seus correligionários não perdem tempo no quesito "propalar discursos contrários a CF/88", inclusive inflamando os fanáticos ao cometimento de crimes e contravenções.

Desde 1989 a ameaça comunista "assusta" o Brasil, no entanto se realmente o PT fosse "comunista" já estaríamos alienados e de fronteiras fechadas para o mundo desde 2002. Preferível que vivamos sob a égide de um regime democrático capaz de fazer autocrítica, do que (re) viver ditadura.

Quando se menciona que o PT sempre almeja nefasta perpetuação no poder e sua sede por corrupção, não se mencionam outros partidos com bancadas gigantescas que participam mais ativamente na corrupção, dentre os 4 primeiros DEM, (P) MDB e PSDB, PP, quanto a estes o silêncio seletivo dos altivos cidadãos de bem.

Não podemos esquecer que o processo democrático das eleições sempre foi respeitado pós 64, conquanto indaga-se, é válido qualquer partido almejar poder através do voto? resposta: SIM, (salvo se for o PT, porque aí é ilegal. Mas bah!).

"Porque a democracia está para o comunismo assim como a verdade está para a mentira", acredito que o Sr. quis dizer que a mentira está para o comunismo assim como a verdade está para a democracia, se assim não for, não consegui captar o cerne de tal estratagema frasal e também não vi ligação alguma com o tema proposto. Enfim, se realmente o senhor preza pela democracia é que deveria respeitar o direito do Haddad de se colocar a disposição para discutir o sistema prisional e carcerário brasileiro que é um assunto complexo e precisa ser abraçado como projeto de nação.

O seu argumento de nada enriquece o debate de ideias e projetos para o país com relação ao Tema proposto pelo artigo, entretanto, pode ser muito bem usado como parâmetro para medir a loucura dos grupos de Whatsapp país afora. Saudações.
Vitor Alcantara, Estudante de Direito
Vitor Alcantara
Comentário · há 3 meses
Tire a venda de seus olhos meu amigo.

Com o seu argumento de que o crime é uma mazela moral, você estaria dizendo que são cometidos mais crimes nas periferias devido a moral dos indivíduos que ali residem?

São cometidos mais crimes em países com grande desigualdade social devido a moral de sua população, e não em decorrência dessa desigualdade? A relação entre desigualdade e criminalidade é mera coincidência, pois no fundo é a índole das pessoas que faz com que ela cometam crimes?

Não estou aqui tentando dizer que o sistema penal não deve agir efetivamente contra os infratores e nem que crimes não tenham nenhuma relação com a questão moral, porém, negar a realidade de forma tão irracional e simplista, descartando os diversos fatores que estão por trás da criminalidade e a relação direta entre desigualdade social e a criminalidade é estar tão cego por preconceitos e dogmas enraizados, que acho pouco provável que as pessoas que pensam dessa forma leiam esses argumentos com a devida maturidade.

A questão aqui não esta no direcionamento político, apesar dessa forma de pensar estar associada a esquerda. Não sou de esquerda. Mas se negar a fatos claríssimos apenas por ideologia política é, ao meu ver, uma insanidade sem tamanho. Obviamente existem diferentes formas de tratar da segurança pública, mas descartar os diversos fatores que levam os indivíduos para a criminalidade é simplesmente atacar apenas o efeito, e não a causa

O ponto não é sobre tratar os culpados de crimes como vítimas sociais e deixar as verdadeiras vítimas desamparadas, mas sim olhar para esse problema tão complexo e não buscar soluções simples. Reintegração social e temas do gênero devem sim ser amplamente debatidos, afinal, a não ser que o senhor defenda o extermínio da população carcerária, a maioria que está ali voltará para a sociedade, mas parece que o seu interesse está apenas em ver o sofrimento do indivíduo que cometeu o crime, e não buscar a segurança da população a médio e longo prazo.

Para combater a criminalidade efetivamente, é necessário entender a sua complexidade.

Perfis que segue

(6)
Carregando

Seguidores

(6)
Carregando

Tópicos de interesse

(14)
Carregando
Novo no Jusbrasil?
Ative gratuitamente seu perfil e junte-se a pessoas que querem entender seus direitos e deveres

ANÚNCIO PATROCINADO

Outros perfis como Dímitri

Carregando

Dímitri Molina

Entrar em contato